IMPACTO MUNDIAL – Novo coronavírus afeta comércio exterior

Diversos fabricantes brasileiros estão passando por problemas com o comércio exterior, o contato com os empresários de fora está sendo feito através de telefone, e-mail ou videoconferência, tudo para evitar o contato físico e a possibilidade de contrair a doença que vem se alastrando pelo mundo, principalmente com empresários da China e outros países asiáticos.

Para o presidente da Associação de Comércio Exterior do Brasil (AEB), José Augusto de Castro, não basta simplesmente a vontade de exportar ou importar. “Infelizmente, hoje, o coronavírus é que está dizendo o que deve ser feito”, diz o presidente. Sendo o país com maior número de casos, a China passará por dificuldades para exportar.

Castro esclareceu que uma oferta maior de produtos no mercado internacional vai pressionar para baixo os preços das commodities (produtos agrícolas e minerais comercializados no mercado exterior) e os manufaturados vão ser afetados por conta da quantidade. “Como o Brasil não tem preço competitivo em manufaturados, a tendência é que seja afetado em função do coronavírus”, analisou.

Como na Europa e nos Estados Unidos, os casos de coronavírus ainda são quase nulos, nada interfere para os empresários brasileiros que vão continuar indo para esses mercados. Já para a China e demais países da Ásia, o caso é mais complicado e as empresas vão precisar se adaptar conforme novas notícias.

Cerveja Corona

Imagem ilustrativa

Uma das empresas que vem perdendo muito com esse surto do coronavírus que vem se espalhando pelo mundo é a da cerveja Corona, a fabricante chegou a perder 170 milhões de dólares e coincidem com o surto dessa nova doença que está infectando e causando morte por todo o mundo, principalmente na China.

“O surto levou a um declínio significativo na demanda na China. Além disso, a demanda durante o ano novo chinês foi menor do que nos anos anteriores, pois coincidiu com o início desse surto”, informou a empresa ao jornal britânico Metro.

De acordo com o Google, as pesquisas com o termo “Corona lager” aumentaram em 1.100% com pessoas que procuravam por “vírus da cerveja” e “vírus da cerveja corona”. Não há ligações entre o coronavírus e a cerveja Corona Lager.

Botão Voltar ao topo
Fechar