E A QUARENTENA? – Mercado da Produção fica lotado nesta quarta-feira, 8

Mesmo com medidas preventivas para evitar aglomeração de pessoas, grande foi o fluxo de pessoas transitando pelo local

Foto: Cortesia

Mesmo diante do período de isolamento, decretado pelo estado e prorrogado até o próximo dia 20, muitas pessoas já voltaram com sua rotina ou não estão respeitando tanto a ordem do governo. Alagoas foi considerado o estado com pior taxa de isolamento social do Nordeste, o que foi perceptível na manhã de hoje, 8, no mercado da produção, no bairro da Levada.

Em meio a uma pandemia global causada pelo novo coronavírus (Covid-19), a situação gera preocupação e riscos para a saúde pública. O mercado possui uma área de 14 mil metros quadrados com 1.478 boxes, que, naturalmente, emprega 10 mil pessoas direta ou indiretamente, ocasionando numa grande aglomeração de pessoas.

O diretor de Abastecimento do Mercado, Jerson Santos,  afirmou já haver uma mobilização por parte de sua equipe para conter o cenário. “Nós já estamos mobilizando uma equipe para intervir, ver a melhor maneira de conter a situação. Agora, precisamos que a população faça a parte dela, que é justamente não se aglomerar. A gente vê que não é só no Mercado, não, muitas pessoas têm se aglomerado na porta dos bancos para receber, não tem necessidade disso. É uma questão de educação, todo mundo já sabe do risco, como tem que se prevenir, e a gente precisa que a população abrace isso com mais vontade”, defende o diretor.

E pra quem acha que essa grande movimentação se restringe apenas ao mercado municipal, se enganou.  Desde o início da semana, as redes de supermercados também registraram maior número de consumidores, além das agências bancárias, com filas enormes  de pessoas aguardando atendimento.

Botão Voltar ao topo
Fechar